Rio Novo do Sul mais perto de receber usina de beneficiamento leiteiro

Na manhã desta terça-feira (12), o deputado estadual Marcelo Santos, presidente da Comissão de Infraestrutura, promoveu encontro entre representantes da Eco 101, da empresa Laticínios Porto Alegre, o prefeito e vereadores de Rio Novo do Sul para tentarem, juntos, destravar entraves para viabilizar a instalação de uma planta de beneficiamento leiteiro no município do sul Capixaba, às margens da rodovia BR 101, com previsão de gerar cerca de 100 empregos diretos.

A empresa, Laticínios Porto Alegre, de origem mineira, vai expandir sua área de atuação implantando uma usina de beneficiamento leiteiro em Rio Novo do Sul, às margens da BR 101 e, inclusive, já estão com capital disponível para o investimento e alguns equipamentos já comprados. Porém precisam equacionar o impasse da construção do acesso da indústria para a rodovia que esbarra em alguns questionamentos técnicos de segurança.

“Precisamos encontrar uma solução para que este empreendimento saia do papel. Vai ser muito importante para Rio Novo, para a empresa e para o Espírito Santo como um todo, pois gera emprego, renda e aumenta a arrecadação de impostos”, comemorou o presidente da Comissão de Infraestrutura, o deputado Marcelo Santos.

O prefeito Thiago Fiorio agradeceu a realização do encontro e destacou a importância da instalação da Porto Alegre na cidade. “Já é uma vitória estarmos aqui reunidos. Ter essa indústria em nosso município vai ser bom para a população que vai ter emprego e para a prefeitura que vai arrecadar mais. Desde que soubemos que uma indústria desse porte queria se instalar em Rio Novo, não medimos esforços para que esse projeto saia do papel e, por isso, estamos com prefeitura e Câmara Municipal falando a mesma língua”, comentou o chefe do Executivo municipal.

Para a Eco 101, empresa que administra a rodovia federal no Espírito Santo, vai ser muito bom também para a Concessionária pois terá um aumento do fluxo de veículos, incrementando a arrecadação com pedágios. “Ter essa empresa por aqui é importante para o município, para o Estado, para os produtores, para a empresa e a Eco 101 não vai gerar entraves para que isso aconteça”, garantiu Jeancarlo Mezzomo, diretor superintendente da Eco 101.

A localização de Rio Novo do Sul foi o destaque apontado pelo diretor-presidente da Laticínios Porto Alegre, João Lúcio Barreto Carneiro. “É um ponto estratégico, carente de uma usina de captação de leite e já avaliado por nossa equipe de campo. Após toda a documentação necessária, será preciso apenas um ano para que a usina seja construída e entre em operação”, adiantou.

Ainda na tarde de hoje, uma nova reunião entre técnicos da Eco 101 e a direção da Porto Alegre irá ocorrer na sede da concessionária para analisar as soluções dos condicionantes de segurança elencados.

Assessoria de comunicação

Data de Publicação: terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

LEIA MAIS...

Dnit e DER apresentam ações para Segunda Ponte
Marcelo Santos quer proibir cobrança de serviços na conta de celular
Marcelo Santos quer informação sobre captação de água da chuva em prédios públicos estaduais